ESTUDO DE CASO PARA TOMADAS DE DECISÕES NO RESTAURO DE UMA ESCULTURA SACRA MUSEAL

  • Cláudia Guanais
  • Isis Fófano Gama
Palavras-chave: Restauração, Escultura dourada e policromada., Reintegração, Intervenções,, Arte Sacra

Resumo

A presente comunicação trata das decisões tomadas nas intervenções realizadas em uma escultura sacra, em madeira dourada e policromada, no ateliê de restauro do Museu de Arte Sacra da Universidade Federal da Bahia. Este estudo resultou no trabalho de conclusão de curso de uma aluna graduanda da Escola de Belas Artes da UFBA. Foram realizados exames globais, revisão bibliográfica, discussões com profissionais da área, pesquisas documentais,  estudos iconográficos e da técnica construtiva, como também análise do estado de conservação. Identificou-se que, além dos danos irreversíveis causados por uma remoção mecânica de pinturas sobrepostas, a imagem apresentava olhos pintados, apesar do corte longitudinal na face, típico para a colocação dos olhos de vidro. Outro problema referia-se a mão esquerda, pois era visível tratar-se de uma prótese, comparado com a mão direita. Tratando-se de uma peça museal, as intervenções respeitaram a historicidade da obra, porém, outros aspectos interferiram na restauração realizada.

Biografia do Autor

Cláudia Guanais

Restauradora do Museu de Arte Sacra/UFBA. Mestre em Artes Visuais. 

Isis Fófano Gama

Graduanda em Bacharelado de Conservação e Restauração de Bens Culturais Móveis – UFPEL

Publicado
2021-01-11
Seção
CONSERVAÇÃO E RESTAURAÇÃO