A igreja de São Francisco de Assis.

  • Rodrigo Vivas
  • Gisele Guedes
Palavras-chave: Iconografia, Igreja de São Francisco de Assis, Painel Interno, Painel Externo, Cândido Portinari

Resumo

O presente artigo coloca em perspectiva, os painéis interno e externo realizados por Cândido Portinari na Igreja São Francisco de Assis em Belo Horizonte no ano de 1943, a discussão busca o entendimento da associação existente entre as representações feitas por um artista moderno e um tema tradicional da iconografia, caso das histórias de São Francisco de Assis. Como parte do método de análise, além do iconográfico desenvolvido por Erwin Panofsky, está também, o estudo dos esboços executados por Portinari.

Biografia do Autor

Rodrigo Vivas

Doutor em História da Arte

professor da Escola de Belas Artes – UFMG

Gisele Guedes

Graduanda em Conservação e Restauração de Bens Culturais Móveis

Escola de Belas Artes – UFMG

Publicado
2011-01-01
Edição
Seção
ICONOGRAFIA